A Jigsaw / Da memória

Doze músicas para doze anos de existência da banda de Coimbra: A Jigsaw – “Drunken Sailors & Happy Pirates”. Este último álbum de originais, e não só, foi o mote para nos metermos a navegar em aventuras com piratas que fazem música que nem intrépidos marinheiros. Içam velas num mar sonoro composto por três multi-instrumentalistas – João Rui, Jorri e Susana Ribeiro – com sonoridades que ficam a tocar, sem parar, num mar blue(s), sempre a navegar, mesmo quando o disco termina. Lançámos um repto ao João Rui: “escreve um texto sobre vós, sem respingares”. Aceitou. Chamámos uma trupe para tratar do look e fotografar estes Ishmael(s) e a lady destemida. Aceitaram. Estava assim tudo alinhado e programado para o que abaixo ides ler e ver. “A Jigsaw / Da memória”…

Quando nos roubarem as memórias, regressaremos incólumes à condição de tabula rasa, atónitos por não conseguirmos encontrar correspondência entre as cicatrizes do corpo e as desenhadas pelo estilete do tempo ao longo do nosso caminho.



E ainda que na maior parte das vezes se afigure que a vida não é curta mas demasiado longa, assim o é apenas porque estas incisões de profundidade diversa guardam todos os nossos segredos. Se soubéssemos onde nos esconderam as chaves do esquecimento, a escuridão que se encerra nos olhos não correria a aprofundar os sussurros passados que nos vão convencendo que melhor seria o silêncio de tudo isto. Se as memórias fossem apenas factos, dispostos a uma interpretação mutante então teríamos a desculpa de um historicismo falhado. Mas assim não o é, porque independentemente da distância que conquistámos entre nós e esses abismos, somos acrobatas o suficiente para reconfigurar as cordas do trapézio onde nos balouçamos por cima deles.
Foi a memória da construção da nossa identidade que nos compeliu a descrevê-la neste novo álbum “Drunken Sailors & Happy Pirates”. Não há aqui lugar algum para a catarse porque nada do que permitimos nesta embarcação nos poderia prender mais ao nosso coração.


Então, quando um dia nos roubarem as memórias, esta embarcação jazerá no fundo do mar que já não somos. •

ID by Carlos Gago / Mau Feitio – David Gaspar / fotografia: Sofia Silva / texto: João Rui (A Jigsaw) / espaço: Hotel Quinta das Lágrimas / produção: Mutante

 

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.