Amp Chandelier / Normann Copenhagen

Fim-de-semana ao virar da esquina e vamos iluminar bem o espaço para receber estes dois dias pelos quais esperamos, sistematicamente, uma semana inteira. Hoje, interruptores ao alto para Amp Chandelier.

Desenhado por Simon Legald para a Normann Copenhagen, Amp Chandelier é um candeeiro que é um verdadeiro show-stopping no design. Uma reinterpretação do clássico lustre, digno de qualquer sala contemporânea ou mais clássica. Este que vem aumentar a coleção Amp, que já nos havia conquistado com seus candeeiros “solitários”.

Amp Chandelier é feito a partir de uma combinação refinada de mármore e vidro. O candelabro desenvolve-se em torno de um cilindro de aço central, a partir do qual os braços pequenos crescem para dar corpo a uma forma oval com volume bem conseguido. Cada braço é coroado por uma versão em miniatura da lâmpada de mesa Amp que, em virtude da repetição, respira uma nova vida num candeeiro escultural e dramático. A ideia para a forma individual de Amp surgiu num dia em que o designer estava a restaurar um rádio dos anos 1960; enquanto procurava por peças de reposição para o rádio, ficou cativado pelo brilho que emite o amplificador. A forma oval simples e o brilho da lâmpada é uma referência óbvia a isso, assim como o nome Amp se refere-se ao termo inglês “tube amplifier”.

Cada mini Amp é iluminado por lâmpadas LED embutidas, criando um impressionante jogo de luz quando na forma de candelabro. A luz quente e envolvente, que também é característica de lustres clássicos, resulta em Amp num idioma moderno e ousado, dando ao lustre uma sensação nostálgica e contemporânea. Amp Chandelier está disponível em dois tamanhos, com 15 ou 35 braços, e em três cores. Um complemento perfeito para uma zona de recepção de um espaço público, para um corredor ou sobre uma mesa de jantar, onde o design pode realmente brilhar.

A ter, no seu espaço. •

Normann Copenhagen

Já recebe a Mutante por e-mail? Subscreva aqui.