Digressão da “Rosa” de Luísa

Em Dezembro, na música e em tantas áreas mais, já se alinham as agendas de 2019 para reservar dias para momentos especiais. Hoje, prepare Fevereiro e Março (Abril se andar por Espanha), do ano que está quase a chegar, para dar espaço a Luísa Sobral.

As histórias de “Rosa”, o mais recente trabalho de originais de Luísa Sobral, começarão a ser desvendadas ao vivo no dia 08 de Fevereiro em Coimbra, subindo no dia seguinte, a 09, até à Casa da Música, na cidade Invicta. Luísa Sobral celebrará o Dia dos Namorados, dia 14, em Setúbal, no Fórum Municipal Luisa Todi, inserida no Festival Montepio às vezes o amor. O dia 22 de Fevereiro está reservado para a apresentação em Lisboa, no Teatro Tivoli BBVA. Em Março, a ritmada “Rosa” subirá ao palco do Cine-Teatro Avenida em Castelo Branco no dia 09, da Casa da Cultura em Ílhavo no dia 15 e do Centro Cultural e Congressos de Caldas da Rainha no dia 23. Uma Rosa que vai espalhar encantos por aqui e por tantos mais palcos que ainda estão por vir.
Luísa Sobral viajará até Espanha em Abril: Castellón dia 06, Madrid, dia 09 no Teatro Cofidis Alcázar e a presença no festival GuitarBCN no dia 11 em Barcelona são alguns dos concertos já confirmados.

Para apresentar o novo trabalho, Luísa será acompanhada em palco por uma formação nova. A seu lado terá Manuel Rocha nas guitarras e um trio de sopros formado por Sérgio Charrinho no fliscorne, Angelo Caleira na trompa e Gil Gonçalves na tuba.

‘Rosa’, o novo álbum de Luísa Sobral, teve entrada direta para o 4.º lugar da tabela nacional de vendas. Editado no passado dia 09 de Novembro, foi produzido pelo catalão Raül Refree (Raul Fernandez Miró), produtor de nomes como Mala Rodriguez, Silvia Pèrez Cruz e Rosalía e tem como single de apresentação o tema ‘”O Melhor Presente” (video acima). Para além da voz e guitarra, “Luísa e o seu produtor privilegiaram instrumentos clássicos: um trio de sopros e percussão como marimba e tímpanos. A beleza das composições é realçada pelo despojamento dos arranjos e pela cumplicidade criativa entre Luísa e Refree. O resultado é ‘Rosa’, o álbum mais pessoal, maduro e intimista de Luísa Sobral.
Um novo trabalho para ser ouvido de fio a pavio em casa e num concerto, que não vai poder perder.

Datas já anunciadas:
08/02, (Local e hora a anunciar) – Coimbra.
09/02, 21h30 – Casa da Música, Porto.
14/02, 22h00 – Festival Montepio às vezes o amor, Setúbal.
22/02, 21h30 – Teatro Tivoli BBVA, Lisboa.
09/03, (hora a anunciar) – Cine-Teatro Avenida, Castelo Branco.
15/03, 21h30 – Casa da Cultura, Ílhavo.
23/03, 21h30 – Centro Cultural e Congressos, Caldas da Rainha.
06/04, 21h00 – Auditorio y Palacio de Congresos, Castellón (ES).
09/04, 20h30 – Teatro Cofidis Alcázar, Madrid (ES).
11/04, 21h00 – GuitarBCN, Luz de Gas, Barcelona (ES).

A tomar nota. A ouvir e a ir. •

+ Luísa Sobral
© Fotografia de capa (pormenor): Marta d’Orey.

Já recebe a Mutante por e-mail? Subscreva aqui.