EXPERIENCE, PORTUGAL, TRAVEL 0

Em nome da quietude em pleno Alentejo / Convento do Espinheiro

A história e a arquitectura reúnem o simbolismo deste hotel de cinco estrelas instalado num secular edifício de uma comunidade religiosa rodeado de um idílico cenário dotado de tranquilidade. À mesa, a experiência é definida pela surpreendente cozinha do Divinus e demais espaços a explorar ao longo das quatro estações do ano.


O Convento do Espinheiro Historical Hotel & Spa foi, em 2008, o primeiro cinco estrelas instalado no cenário campestre do Alentejo


Reza a lenda que, por volta do ano de 1400, terá aparecido a imagem de Nossa Senhora sobre um espinheiro em chamadas onde, depois, foi erguida uma ermida em estilo Gótico em Sua honra. Mais tarde, em 1456, este pequeno templo dá origem à fundação de uma igreja, à qual. D. Vasco Perdigão, bispo da diocese de Évora, associa o Convento de Nossa Senhora do Espinheiro atribuído à Ordem de S. Jerónimo. Em Junho de 2005, este edifício é convertido em hotel, o primeiro com cinco estrelas em pleno campo.


Os quartos da ala nova pautam pelo minimalismo associado ao design contemporâneo


O Renascimento está implícito em cada detalhe do Convento do Espinheiro Historical Hotel & Spa, inserido numa propriedade de oito hectares localizada a escassos quilómetros do centro da cidade de Évora, no coração do Alentejo. Rodeado pela bucólica paisagem característica do campo, esta unidade surpreende pela magnitude dos seus aposentos da ala conventual, mais clássicos e espaçosos em contraponto com os quartos da ala nova, de 2008, onde o design e a modernidade.


A piscina do Spa convida a relaxar por mais uns momentos


A vista alcança o cenário bucólico, a quietude do meio rural que comunga com o Spa, onde o ritual do corpo acalenta a alma através de terapias realizados nas salas de relaxamento. Mergulhemos na piscina de água aquecida deste espaço dedicado ao corpo.

Os tectos abobadados do edifício original convidam a uma viagem a um passado longínquo, com destaque para o claustro do gótico tardio, com jardim central, que aguarda as próximas sessões de música erudita ao vivo em gesto de comunhão para com a serenidade de tão elegante hotel em pleno meio rural.

A viagem ao passado continua pela sala de estar instalada no antigo refeitório com o seu púlpito e contígua à cozinha de então com a sua chaminé onde, hoje, cabe o Olive, o restaurante de cozinha italiana como que em homenagem à comunidade religiosa, proveniente da Dalmácia, Itália, outrora aqui instalada.


O pomar das laranjeiras propicia o descanso


Informal, a cozinha deste espaço tem uma oferta versátil, desde a pizza às massas e risottos, sem esquecer as sobremesas italianas, com a escolha de poder comer tão deliciosos pratos ao ar livre, no pomar de laranjeiras, perfeito para descansar e pôr a leitura em dia.


Divinus é o nome do restaurante de fine dining deste cinco estrelas


Os tectos abobadados são a evidência da perfeição no Divinus. O restaurante de fine dining do Convento do Espinheiro Historical Hotel & Spa, de ambiente formal q.b., tem Jorge Peças como chef, alentejano de gema que, desde 2008, faz parte da equipa da sua cozinha e que, em Março de 2019, passou a chef executivo. O seu trabalho tem vindo a dar cartas, seja na escolha do produto, seja na forma como trabalha a matéria-prima, seja na conjugação de sabores que têm origem, predominantemente, na região onde está inserido este cinco estrelas.

É de salientar o porco alentejano, a carne Mertolenga DOP, o cabrito do Alentejo IGP ou o peixe da costa. A carta vínica, da responsabilidade do escanção Cristiano Santos, é constituída por mais de duas centenas de referências, sobretudo de produtores da região. Todas estão guardadas na antiga cisterna do convento a sua garrafeira, graças às suas condições que permitem conservar o vinho à temperatura ideal durante o ano. Este espaço também é palco das provas vínicas diárias acompanhadas por Cristiano Santos que, de forma didáctica e descomplicada, explica o vinho do momento.

Igreja de Nossa Senhora do Espinheiro


A delicadeza do detalhe está divinamente ligado à Igreja de Nossa Senhora do Espinheiro. Fundada no século XV, este templo religioso instalado no convento mostra todo o esplendor através dos painéis de azulejo provenientes da Fábrica do Rato, em Lisboa, e dos frescos que adoram o seu tecto.

O belo é aperfeiçoado pelo órgão de tubos perto do coro alto ou a capela-mor revestida a azulejo e com a pintura singular do tecto, detalhes que conferem a mais sublime das artes ligadas ao culto religioso.


Os workshops com o chef Jorge Peças são uma das actividades implementadas pelo hotel


Igreja de Nossa Senhora do Espinheiro Constituído por pequenos recantos exteriores que convergem no jardim contíguo à ala mais recente deste edifício secular, este cinco estrelas é um verdadeiro convite ao refúgio além Tejo onde, na época da Primavera e de estio, a piscina faz as delícias de todos a par com o Acqua Pool Bar.


Creme de ervilhas com ovo escalfado é apenas um dos pratos deste espaço de restauração perfeito para um cocktail


É certamente o espaço mais procurado no Verão pela variedade de pratos e refeições leves que proporciona aos hóspedes.Lugar eleito para alguns dos workshops de cozinha com o chef Jorge Peças, o Acqua Pool Bar é, certamente, o espaço mais procurado na Primavera e no Verão pela variedade de pratos e refeições leves que proporciona aos hóspedes.


As linhas rectas da ala nova contrastam discretamente com a envolvente deste hotel


Resta descansar, desfrutar e passear de bicicleta, fazer jogging na cerca do convento ou equitação, entre outras atividades ativas consoante a época do ano, e desempenhadas de acordo com as orientações adequadas à actualidade. 


Acresce a ida ao centro histórico da cidade de Évora. O templo romano, erguido em homenagem ao Imperador Augusto, é o seu cartão de visita e a mais emblemática construção no âmbito do património edificado que permanece quase intocável pelo tempo, razão pela qual merece a visita de quem viaja até este imenso Alentejo.


Sem esquecer os cromeleques dos Almendres, o monumento megalítico localizado na freguesia de Nossa Senhora da Guadalupe e constituído por três ciclos concêntricos com orientação Nascente e Poente. Um lugar inusitado para acicatar a curiosidade de miúdos e graúdos.

Bom descanso!

+ Convento do Espinheiro Historical Hotel & Spa
© Fotografia: João Pedro Rato

Já recebe a Mutante por e-mail? Subscreva aqui.

You Might Also Like

No Comments

Leave a reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.