“Vozes sem conta” / Marionet no TCSB

A Escola da Noite, em Coimbra, acolhe esta semana uma estreia da companhia de teatro Marionet, no Teatro da Cerca de São Bernardo (TCSB).  “Vozes sem conta” é o título da nova criação do grupo dirigido por Mário Montenegro que estará em cena a partir de amanhã. Até ao final do mês, o TCSB recebe ainda a apresentação do livro de Pedro Estorninho e o especialíssimo projecto “Retorno”, que visita os territórios afectados pelos incêndios de 2017 no concelho de Arganil.

Vozes sem conta
Neste seu regresso ao TCSB, a Marionet apresenta “Vozes sem conta”, um espectáculo de teatro “inspirado e informado pelo fenómeno de ouvir vozes”. O grupo fundado e dirigido pelo actor Mário Montenegro, responsável pela encenação deste espectáculo, assume o objectivo: “Esperamos proporcionar ao público uma experiência intensa relacionada com o fenómeno de ouvir vozes e, sobretudo, abrir as portas à reflexão e a uma discussão mais alargada sobre este tema”.
Para quem não vive esta experiência – reconhece o grupo – é difícil colocar-se no lugar de quem as ouve: “Na tentativa de minorar esta dificuldade fomos, ao longo do processo de criação do espectáculo, aproximando-nos dessa realidade ouvindo e questionando quem vive com ela, e imaginando circunstâncias nas nossas experiências de vida que nos permitissem alcançar o que poderá ser a experiência sensorial de alguém ouvir vozes que as outras pessoas não ouvem”.
Com textos de Andreia Fernandes, Joana Ferrajão, Mário Montenegro e Nuno Geraldo, o espectáculo conta com as interpretações de Ana Teresa Santos, Mafalda Canhola, Nuno Geraldo e Sílvia Santos, música de Rita Redshoes, música, sonoplastia e operação de som de Marcelo dos Reis, desenho de luz e direcção técnica de Danilo Pinto e cenografia, figurinos e imagem de Pedro Andrade.
A temporada no TCSB decorre de 25 a 28 de novembro, de quinta a sábado às 21h30 e no domingo às 16h00. Os bilhetes podem ser comprados online ou reservados pelos contactos habituais do Teatro. No domingo, logo depois da última sessão, terá lugar uma conversa com o público, que contará com a participação das equipas artística e de investigação do projecto Ouvir Vozes, uma iniciativa da Marionet em parceria com o Movimento Ouvir Vozes – Portugal, o Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra e a Rádio Aurora Outra Voz, no âmbito do Programa Arte e Saúde Mental da Direção-Geral das Artes.

Memórias do Realismo Mágico
No próximo sábado, dia 27 de novembro, pelas 17h00, A Escola da Noite acolhe no Bar/Livraria do TCSB a apresentação do livro “Memórias do Realismo Mágico”, de Pedro Estorninho, editado pela Página a Página. Trata-se, segundo a própria editora, de “um livro feito de caminhos e histórias percorridos pelo doutor Venâncio, único médico num Alentejo vasto em campos e montes. Trata-se de um retrato ficcional da realidade do interior português, pelas estórias das suas gentes, contadores e contadoras de vidas e sonhos, de que se vai tecendo um imaginário e uma identidade”.
Pedro Estorninho é um actor, encenador e dramaturgo português, cujo percurso artístico se cruzou já com diversos colectivos, nacionais e estrangeiros: A Barraca, Teatro da Trindade, Fábricas de Peças, Companhia de Teatro de Sintra, Protolab, Companhia de Teatro de Portel, Panmixia, Satyros (Brasil), Teatro Comunale Benevento (Itália), Theatre Repetition (França), entre outros. Como encenador/autor encenou e escreveu para Companhia de Teatro de Sintra, Teatro Art’Imagem, Companhia de Teatro de Portel, Festival Vicentino Guimarães, Festival de Artes de Monsaraz Museu Aberto, Protolab, Telemaque, Theatre Repetition, SOTAO, TEatroensaio, Teatro Bocage e CriArTeatro (Cabo-Verde). É director artístico da companhia TEatroensaio e responsável pela revista Ensaios de Teatro. A apresentação do livro, que estará a cargo de Vasco Nogueira, contará com a presença do autor e tem entrada gratuita.

Projecto RETORNO
No último dia do mês, A Escola da Noite tem a particular satisfação de receber a apresentação em Coimbra de “Retorno”, um projecto artístico interdisciplinar de Inês Luzio, João Valentim, Inês Malheiro e Tiago Candal que cruza a criação e a performance musical com o vídeo. Com estreia absoluta marcada para Arganil apenas três dias antes, “Retorno” é um espectáculo “sobre diferentes regressos”: “o regresso às memórias da efeméride dos incêndios de outubro de 2017, do que desapareceu e do que mudou. Mas, acima de tudo, (sobre) o regresso físico aos lugares transformados pelo fogo, a um território que se regenera, ainda em luto”. O processo de criação assentou num “trabalho de pesquisa sobre o território e a população do concelho de Arganil, região onde o despovoamento, o défice de recursos financeiros e materiais, entre outros factores, têm potenciado a ocorrência de grandes incêndios florestais nas últimas décadas”. A partir de uma abordagem artística, o projecto “procura estimular a reflexão e discussão dentro e fora das comunidades locais sobre possibilidades de acção mais sustentáveis”.
O processo de trabalho teve início em Julho de 2019. Numa primeira fase, colaboraram na sua criação o ensemble Ruby the Grap! (Inês Luzio e Eva Sulai) e o documentarista João Valentim. A partir de janeiro de 2020, a direcção artística do projeto ficou a cargo de Inês Luzio e João Valentim e a criação e interpretação musical dos/as músicos/as Inês Luzio, Inês Malheiro e Tiago Candal. Para o TCSB está prevista uma sessão única, no dia 30 de Novembro, terça-feira, pelas 21h30. Os bilhetes têm o preço de 5 Euros e já podem ser reservados.

TEATRO | ESTREIA
25 a 28 de novembro – Vozes sem Conta – quinta a sábado, 21h30 | domingo, 16h00; M/12 > 75 min.
LITERATURA | APRESENTAÇÃO DE LIVRO
27 novembro, 17h00 – Memórias do Realismo Mágico – de Pedro Estorninhocom a presença do autor e apresentação de Vasco Nogueira; Bar/Livraria do TCSB.
TEATRO | CONVERSA
28 de novembro, 18h00 – Deixem passar o avião | Conversa pós-espectáculo “Vozes sem Conta” – Marionet / Projecto Ouvir Vozes, Bar/Livraria do TCSB.
MÚSICA | VÍDEO
30 de novembro, 21h30 – Retorno – Inês Luzio, João Valentim, Inês Malheiro e Tiago Candal; M/6 > 50 min.

A tomar nota de tudo. A não perder pitada, em Coimbra. •

+ Marionet
+ TCSB
© Imagem de destaque: Vozes sem Conta por Francisca Moreira.

Já recebe a Mutante por e-mail? Subscreva aqui.

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.