Bons Sons ’24

Em 2024, o BONS SONS regressa, após um ano de paragem, ao centro da aldeia agora renovado, e atinge a maioridade. De 08 a 11 de agosto, comemoram-se 12 edições e 18 anos de festival e celebra-se a diversidade. Hoje, foi apresentado o cartaz e os bilhetes diários são colocados à venda.

É altura de viver a aldeia agora num largo renovado, mas também de celebrar a diversidade que caracteriza as gentes que compõem esta (e outras) comunidades. Uma comunidade mais capaz não é um lugar onde as pessoas são todas iguais, nem onde se pensa de uma só forma. Em Cem Soldos, valoriza-se a diferença e a oportunidade que o diferente traz. Em agosto, viver-se-á a diversidade, viver-se-á a aldeia, não deixando de lado a celebração dos 50 anos do 25 de Abril, que tão bem representa esta ideia, porque liberdade também é diversidade.

Mais de 40 atuações musicais (entre concertos e dj sets) e dois espetáculos de dança, distribuídos por nove palcos. Mas não vos fazemos esperar mais. Que se abram as agendas de agosto e aqui vai o programa dos Bons Sons!

Dia 08/ agosto

Palco Lopes-Graça
Zarco
Cláudia Pascoal

Palco Zeca Afonso
Quis Saber Quem Sou– Um concerto teatral

Palco António Variações
Ganso
Valete

Palco Giacometti – INATEL
Femme Falafel
The Twist Connection

Palco ao Adro
KdeiraZ, de Natália Mendonça (Materiais Diversos)

Palco Aguardela
Sheri Vari

Palco Carlos Paredes
Manuel Dordio

Palco MPAGDP
Diana Combo

Auditório Agostinho da Silva
A Música dá Trabalho
Curtas em Flagrante
Documentário

Dia 09/ agosto

Palco Lopes-Graça
Plasticine
Adiafa

Palco Zeca Afonso
Estilhaços
Gisela João

Palco António Variações
Sonar Corona Elektrische Machine
Club Makumba

Palco Giacometti – INATEL
A definir (Festival Termómetro 2024)
Vaiapraia

Palco ao Adro
KRUMP Session, de Dougie Knight (Materiais Diversos)

Palco Aguardela
Mão na Anca

Palco Carlos Paredes
Joana Guerra

Palco MPAGDP
Ambria Ardena

Auditório Agostinho da Silva
A Música dá Trabalho
Curtas em Flagrante
Documentário

Dia 10/ agosto

Palco Lopes-Graça
Silk Nobre
Cara de Espelho

Palco Zeca Afonso
Edmundo Inácio
Expresso Transatlântico

Palco António Variações
Unsafe Space Garden

Palco Giacometti – INATEL
Velhote do Carmo
emmy Curl

Palco ao Adro
Coro das Mulheres da Fábrica

Palco Aguardela
Maria Callapez

Palco Carlos Paredes
Luísa Amaro

Palco MPAGDP
Fala Povo Fala

Auditório Agostinho da Silva
As Árvores Não Têm Pernas para Andar, de Joana Gama

Dia 11/ agosto

Palco Lopes-Graça
The Legendary Tigerman

Palco Zeca Afonso
Hélio Morais
Teresa Salgueiro

Palco António Variações
Máquina
Rocky Marsiano

Palco Giacometti – INATEL
Conferência Inferno
Ana Lua Caiano

Palco ao Adro
Fanfarra Káustika

Palco Aguardela
Surma (DJ Set)

Palco Carlos Paredes
Rafael Toral

Palco MPAGDP
Coro da Cura

Auditório Agostinho da Silva
A Azenha
Curtas em Flagrante
Documentário

A tomar nota de tudo. A reservar os dias de agosto. A rumar à Aldeia de Cem Soldos para este Festival que já é paragem obrigatório roteiro da cena musical nacional. •

+ Bons Sons
© Fotografia: The Twist Connection, DR.

Já recebe a Mutante por e-mail? Subscreva aqui.