IndieJúnior 2022

O IndieJúnior celebra este ano a maioridade, mas a festa é de todos. Há filmes para todos os gostos e idades, actividades paralelas para miúdos e graúdos e muitas sessões especiais para comemorar os 18 anos desta secção do IndieLisboa.

A festa começa sábado, dia 23 de abril, quando o MusicBox abre as suas portas para um warm-up digno de um recém-chegado à maioridade. O primeiro acto é marcado por uma sessão para abrir o apetite para mais uma edição do festival e que vai recordar seis curtas metragens exibidas no ano passado. No segundo acto, a pista de dança é comandada por um back2back entre pais e filhos, numa matiné que abre o Musicbox, espaço mítico da noite lisboeta, a menores de 18 anos.

Na semana seguinte, a 30 de abril, a primeira de duas Sessões Para Toda a Família. A tarde começa no Grande Auditório da Culturgest, com uma selecção de filmes que recorda o que de melhor tem passado pelo festival nos últimos anos, e termina no outro lado da rua, no jardim da Biblioteca Palácio Galveias, com música, jogos, actividades e brincadeiras.

Começando pelos mais novos, com as sessões para público pré-escolar com idade superior a 3 anos, destacamos três filmes – Ursinho Silencioso, de Māra Liniņa, feito a partir de linhas e novelos de lã, Olá Estranho, de Julia Ocker, presença habitual no festival, sobre um astronauta que aterra num planeta estranho, e Pincéis de Cerda, de Quentin Haberham, uma curta-metragem sobre a empatia e entreajuda.

Para o 1.º ciclo, para crianças com mais de seis anos, Luce e a Rocha, de Britt Rae e Guarda de Honra, de Edmunds Jansons, aproximam-se na forma extraordinária como ambos usam a cor para compor um imaginário muito específico. Sozinhos no Elevador, de Anastasia Papadopoulou, é inspirado nos códigos sociais e na forma como influenciam o nosso comportamento mesmo quando estamos sós.

Nos filmes para o 2.º ciclo, Filip Diviak, um repetente no festival, usa o universo das fábulas no seu Sons da RealezaO Fato de Mergulho de Klingert, realizado por Artur Wyrzykowski, foca-se na invenção do fato de mergulho e na forma como isso afecta uma jovem e o seu medo de água. Contos de Água Salgada é uma pequena antologia de histórias relacionadas com a praia e com o mar. A Fantástica Competição de Voos mostra-nos uma corrida aérea, onde casas voadoras competem pela vitória contra pássaros, aviões e balões.

As propostas para os jovens do terceiro ciclo são tematicamente diferentes. Yaren e o Sol é um pequeno documentário sobre a dor, a cura e a amizade, com a acção passada ao longo de uma semana num acampamento de luto. Beijo Francês cruza a omnipresença tecnológica e hormonas pré-adolescentes e Dentro desenrola-se num mosaico de janelas, onde o interior se abre para o exterior e uma multiplicidade de momentos da vida quotidiana se sobrepõem e comunicam uns com os outros. No total, nesta edição vamos mostrar mais de quarenta filmes, que reflectem o que de melhor se faz actualmente para crianças e jovens.

Nesta edição regressa o Cinema de Colo, o lugar do IndieJúnior desenhado para crianças dos quatro meses aos dois anos e meio. O Cinema de Colo é assim denominado por duas razões: primeiro, remete para o lugar a partir do qual um bebé começa a conhecer o mundo ao seu redor; depois, contextualiza a criação de uma cenografia, dentro de uma sala mas inspirada no exterior, ao ar livre, onde a criança pode reagir e mover-se em segurança, num replicar do colo aconchegado de um amigo ou familiar. Durante as várias sessões que estão previstas serão exibidos seis pequenos filmes, com histórias cheias de cores e sons estimulantes. O Cinema de Colo é feito em parceria com a Hero Baby e está marcado para a Sala 2 do Cinema São Jorge, onde a cenografia especialmente pensada para esta sessão é assinada por  Maria Eugênia Cavaggioni e Bárbara Costa, alunas da ESMAE.

Repetindo o que tem vindo a acontecer todos os anos, a iniciativa Eu Programo um Festival de Cinema dá oportunidade a alunos do 2.º e 3.º ciclos de programar cinema para crianças da sua faixa etária. Com a ajuda dos alunos do 5.ºB (sessão 2ºciclo/ +10 anos) da Escola Básica D. João II de Caldas da Rainha, e dos alunos do 9.ºF (sessão para 3ºciclo / +12 ano) da Escola Básica e Secundária Mestre Domingos Saraiva, ficamos a conhecer filmes que todos nós devíamos ver.

As actividades paralelas são várias e variadas: a parceria com a Orfeu Negro regressa, com o objectivo de aproximar o cinema e a literatura dos mais novos; a ilustradora que dá vida a Maria Carvão® orienta uma oficina de ilustração e a EMEL e os sinais de trânsito são o mote para a oficina Construímos Sinais Diferentes. No dia 06 de maio, o Palácio Galveias recebe um filme seguido de debate, para criar um diálogo entre pais, filhos e professores. O filme escolhido foi Stars on the Sea, de Jang Seung-Wook, e o tema não podia ser mais urgente: a crise climática e a forma como afecta todos nós. Este debate é uma iniciativa conjunta com o PNA – Plano Nacional das Artes.

A 18.ª edição do IndieJúnior em Lisboa terá lugar no Cinema São Jorge, Culturgest, Cinema Ideal e Biblioteca Palácio Galveias entre os dias 28 de abril e 08 de maio. A programação completa, assim como a grelha de sessões e a venda de bilhetes, estarão disponíveis a partir do início de abril no site do IndieJúnior.

Open Call do IndieJúnior:
Queremos que se juntem à festa e para isso lançamos um desafio a todos aqueles que connosco têm vindo a descobrir o cinema ano após ano: vamos recolher testemunhos áudio que reflictam a experiência de ver filmes e a importância do cinema nas nossas vidas. Aos mais pequenos que começam agora a visitar o festival perguntamos: como achas que o cinema é feito? E dos que têm crescido a par e passo com o IndieJúnior queremos saber: que memórias guardas de edições mais antigas? Todos os depoimentos serão partilhados ao longo do festival em diferentes formatos. As primeiras 15 pessoas a participar recebem 1 bilhete duplo para sessões de cinema do IndieJúnior. Basta gravar um áudio com o telemóvel, ter atenção ao ruído, e enviar-nos via WhatsApp (+351 962 019 474) ou para o endereço  comunicacao@indielisboa.com.

A reservar na sua agenda. Para ir com filhos, primos, sobrinhos, afilhados, amigos… Para ir em família alargada. •

+ IndieJúnior
© Imagem de destaque: Sozinhos no Elevador de Anastasia Papadopoulou

Já recebe a Mutante por e-mail? Subscreva aqui.

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.