Desportivo & Chic / DS4

Design de vanguarda, tecnologia avançada, conforto dinâmico e elegância em cada detalhe concentram-se numa herança que confere uma condução tranquila pela Invicta e rumo a Leça da Palmeira, e a Amarante.

A segurança é um dos pontos fortes deste automóvel cujo ensaio circunscreveu um pequeno roteiro pelas ruas do Porto

Desta vez, tivemos nas mãos o DS4 1.6 THP 210-CVM6 Sport Chic para um ensaio que passou pela auto-estrada que liga Lisboa ao Porto, com a primeira paragem na Foz da Invicta, seguindo-se o traçado que nos levou à Ribeira, percursos que, embora diferentes, deram a conhecer o equilíbrio na condução ditada pela agilidade, pela tranquilidade e pelo conforto num automóvel que (cor)responde às exigências da nova geração no mercado automóvel. O mesmo comportamento em estrada foi notório nas viagens para Amarante e de regresso ao Porto e, por fim, a Lisboa, sempre com a tónica na capacidade de reduzir as emissões de CO2 e na redução do consumo de combustível, graças ao motor diesel optimizado, o qual é complementado com uma linha de escape definida como inovadora e eficiente.

O habitáculo em cabedal e o painel de bordo evidenciam o conceito vintage da marca francesa

Falemos do interior deste carro desportivo. O habitáculo em cabedal integral, incluindo o volante e o painel de bordo, a manete de mudanças e as portas deste novo DS4, pontuado por linhas e detalhes – sobretudo nos bancos, que asseguram a massagem lombar, quando acionada para o efeito – reafirmam, desde logo, a essência glamourosa da marca francesa que, há cerca de dois anos, (re)surgiu para júbilo de muitos, em particular de quem ainda se recorda do vetusto e emblemático “boca de sapo”.

Elegante e aprimorado pelo requinte, os interiores do novo DS4 elevam, deste modo, o design de vanguarda ao expoente máximo, em particular no que toca ao painel de bordo, composto por três quadrantes circulares e o para-brisas panorâmico, associando-o ao conceito vintage dos automóveis dos anos 1950’, o qual é complementado com o intuitivo e prático sistema de navegação táctil incorporada, entre outros pontos pautados pela tecnologia avançada em que a DS tem vindo a apostar.

Na segurança, apontada como a vertente de maior importância na indústria automóvel, é de salientar o controlo de tração inteligente aliado ao sistema de ajuda ao arranque em estrada inclinada, a deteção de pressão baixa dos pneus e deteção indireta do pneu vazio e o regulador e limitador de velocidade programável – muito prático em auto-estrada –, a câmara de marcha atrás com sistema de ajuda ao estacionamento e o controlo dos ângulos mortos, entre os demais equipamentos existentes ou que pode escolher de acordo com a motorização eleita, pois qualquer um dos modelos do DS4 – Be Chic, So Chic e Sport Chic – pode também ser feito (quase) à medida.

As jantes de liga leve primam pelo detalhe, o qual se associa à elegância quer por fora, quer por dentro do DS

Do lado de fora, sobressaem a “DS Wings”, nova grelha que configura no DS4, as jantes de liga leve e as linhas que subscrevem, uma vez mais, a elegância de uma marca que continua a apostar na agilidade, na segurança e, em simultâneo, na contínua preocupação com o consumo e o meio ambiente.

Em breve iremos publicar as reportagens relativas a este roteiro. Boa viagem! •

+ DS
© Fotografia: João Pedro Rato

Recebe a Mutante por e-mail? Subscreva aqui.

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.