Dois concertos irrepetíveis de Carminho

Carminho, uma das grandes vozes do fado e uma das artistas portuguesas com maior projeção internacional, acaba de revelar as datas da digressão de apresentação do disco de homenagem a Tom Jobim, “Carminho canta Tom Jobim”, que termina com dois concertos especiais em Portugal, que contarão com a participação de Marisa Monte, voz que partilhou o microfone com Carminho no disco “Carminho Canta Tom Jobim” e mais recentemente no novo álbum dos Tribalistas. Prepare a sua agenda…

Portugal vai receber dois concertos únicos e irrepetíveis de Carminho a interpretar o aclamado compositor e intérprete brasileiro – Tom Jobim -, ao lado da última formação que o acompanhou. Demorou mais de um ano a tornar possível que o platinado “Carminho canta Tom Jobim” se fizesse à estrada. Depois de conciliar as datas da artista e da Banda Nova (a formação que acompanhou Tom Jobim ao vivo nos seus últimos dez anos, composta pelo filho e neto do criador da bossa nova, Paulo e Daniel Jobim, por Jaques Morelenbaum e Paulo Braga), a digressão europeia está – finalmente! – fechada e esta série de concertos únicos e irrepetíveis termina em Portugal, com dois concertos únicos.

O disco, que agora chega aos palcos, começou a ser desenhado em 2016, quando a convite da própria família de Tom Jobim, Carminho aceitou mergulhar no cancioneiro do compositor. Carminho, que nasceu no meio das guitarras e das vozes do fado, é hoje uma voz aclamada, dentro e fora de Portugal, com três álbuns multiplatinados – “Fado”, “Alma” e “Canto” – que são hoje referências incontornáveis da música do mundo.
O percurso que Carminho tem feito com os seus discos e com os seus concertos dá-lhe um estatuto invejável a nível internacional. Com sucessos de vendas em Espanha, na Escandinávia ou no Brasil, com digressões de êxito pelas principais e mais prestigiadas salas da Europa e do Mundo, em países como Finlândia, Suécia, Peru, Chile, Argentina, Colombia, China, India, Letónia, EUA, Alemanha, Reino Unido, Coreia do Sul, Polónia, França, Áustria, Dinamarca, entre tantos outros, atua também no Brasil, com concertos esgotados no Rio de Janeiro, São Paulo e um pouco por todo o país.

Foi um passo natural, porque a popularidade e as boas-vindas que Carminho teve no Brasil, com a aclamação do público e da crítica e a recepção calorosa de artistas como Marisa Monte, Caetano Veloso, Chico Buarque, Maria Bethânia ou Milton Nascimento, tornava quase inevitável uma incursão pelo cancioneiro inesgotável da MPB. ​Na sua digressão foram escolhidas somente dez das mais emblemáticas e prestigiadas salas da Europa, como a Elbphilharmonie em Hamburgo, Viena Konzerthaus, Philarmonic em Colónia, La Cigale em Paris, Neumünster Kirche em Zurique, entre outras, e em Londres pelo renomado London Jazz Festival, no Barbican Centre. O encerramento da digressão será em Portugal a 30 de novembro em Lisboa (Meo Arena) e a 02 de dezembro em Guimarães (Multiusos) com a presença de Marisa Monte que partilhou o microfone com Carminho no disco “Carminho Canta Tom Jobim” e mais recentemente no novo álbum dos Tribalistas: imperdível!

Ouvir Carminho cantar Tom Jobim acompanhada pela Banda Nova e com a participação especial de Marisa Monte é algo que se crê de único e memorável, que somente alguns terão o privilégio de presenciar, e estas são as datas europeias:
06/11 – Vienna Konzerthaus; Viena.
08/11 – Neumünster Kirche; Zurique.
09/11 – Philarmonic Köln; Colónia.
11/11 – Elbphilharmonie; Hamburgo.
12/11 – Die Glocke; Bremen.
13/11 – Le Volcan; Le Havre.
15/11 – La Cigale; Paris.
17/11 – London Jazz Festival – Barbican Centre; Londres.
30/11 – MEO Arena *Com participação especial de Marisa Monte; Lisboa.
02/12 – Multiusos de Guimarães *Com participação especial de Marisa Monte; Guimarães.

A tomar nota. A ir. •

Carminho
© Fotografia: Carminho, DR.

Já recebe a Mutante por e-mail? Subscreva aqui.