“Guarda mundos” pelo Teatro da Didascália

Programa para fim-de-semana, na margem sul… O Teatro da Didascália propõe um guarda-fatos de surpresas em “Guarda mundos”, uma criação de Bruno Martins, Cláudia Berkeley e Luciano Amarelo, com encenação de Bruno Martins. A companhia de Vila Nova de Famalicão promete encantar miúdos e graúdos, no Teatro Municipal Joaquim Benite (TMJB).

Que memórias estão presentes na roupa que vestimos ou nos objectos que utilizamos ao longo de uma vida? Que histórias ficam guardadas em gavetas? O que guarda um guarda-fatos?

“Guarda Mundos” é um “espectáculo construído sobre um objecto muito particular, o guarda-fatos. Este objecto é na infância símbolo de refúgio e de portal para uma outra dimensão, capaz de atrair a curiosidade das crianças e de as catapultar para o universo da imaginação“.
A peça explora universos fantásticos através do jogo com peças de roupa, lençóis, peluches, cabides. O resultado é uma viagem vertiginosa com uma paisagem recheada de personagens grotescas, num espectáculo acrobático, com uma forte componente visual e simultaneamente mágico.
Guarda Mundos é um mergulho no espaço íntimo, uma viagem pelo imaginário individual com uma paisagem recheada de medos, desejos e sonhos. A não perder nos dias 11 e 12 de novembro, sábado às 16h00 e domingo às 11h00.

O Teatro da Didascália, fundado em 2008, tem como principal actividade a criação teatral. Paralelamente, programa um conjunto de eventos culturais na região onde está sediado, como é o caso do Festival Contos d’Avó, um festival de contadores de histórias, e do Festival Internacional Vaudeville Rendez-Vous, dedicado às artes de rua e ao circo contemporâneo.

Rume ao teatro, em família, Almada. •

TMJB

Já recebe a Mutante por e-mail? Subscreva aqui.

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.