Red Cloud Teatro de Marionetas / Almada

Se ainda não tem programa para a pequenada, para o último fim-de-semana de outubro, eis uma sugestão, a não perder, se estiver por Almada: Red Cloud Teatro de Marionetas.

“A menina que vendia fósforos”, a partir do conto de Hans Christian Andersen, é a proposta para a infância que a companhia aveirense Red Cloud Teatro de Marionetas levará ao Teatro Municipal Joaquim Benite (TMJB). O espectáculo é uma criação de Sara Henriques e Rui Rodrigues e vai estar em cena na Sala Experimental do TMJB no sábado dia 28 de outubro, às 16h00, e no domingo dia 29 de outubro, às 11h00; uma matiné ou uma manhã bem passadas, certamente.

Para além de propor uma reflexão sobre alienação social, “A menina que vendia fósforos” visa explorar a “ideia de um conforto simples e lúdico, metamorfoseando o quotidiano sentido de felicidade, protecção e conforto. A menina inicia a sua libertação de uma realidade triste fantasiando momentos agradáveis e surreais como única alternativa ao expoente máximo de sofrimento e solidão“. Eis aqui uma pequena passagem do que poderá ver, em cena:

Era uma vez o primeiro dia do ano
Num lugar onde fazia muito frio
Era uma vez uma menina que vendia fósforos
Num lugar onde fazia um frio de rachar
Era uma vez uma menina ausente
Porque com a sua mente
Viajou para outro lugar
E quis lá ficar.

A Red Cloud Teatro de Marionetas foi fundada em 2013 por Rui Rodrigues, Sara Henriques, Pedro Cardoso, Nuno Cortez e João Apolinário. Desde então tem vindo a apostar na apresentação regular de espectáculos de marionetas e na dinamização de workshops. Já apresentou o seu trabalho no estrangeiro, nomeadamente na Royal Opera House, em Londres, e em festivais de teatro de marionetas no Brasil e na Bélgica.

Que tal, rumamos ao teatro no fim-de-semana? •

TMJB
© Fotografia: Sara Henriques em “A menina que vendia fósforos”.

Já recebe a Mutante por e-mail? Subscreva aqui.

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.