EXPERIENCE, TABLE 0

BonBon é passar as férias a navegar!

O chef Louis Anjos, do premiado restaurante algarvio, prepara-se para embarcar no luxuoso Sunseeker Manhattan, para viajar por mar e acalentar o estômago com pratos de veraneio.


Louis Anjos, chef do BonBon

“A refeição é personalizada e confeccionada com bom produto.” A garantia é dada por Nuno Diogo, gerente do restaurante BonBon, localizado no Carvoeiro, barlavento algarvio, acerca do menu do chef Louis Anjos nesta nova experiência a bordo do sumptuoso iate atracado no porto de Portimão. 

Disponíveis estão também outros três menus à escolha compostos pelo que de melhor é pescado e apanhado nas águas do Atlântico. Camarão da nossa costa, ostras, mexilhão, percebes e caranguejo são algumas das sugestões, para comer no deck superior, em plena Ria de Alvor, por exemplo.

A lista pode ser complementada com peixe ao sal, além de três pratos regionais: a salada algarvia, a salada de polvo e a cataplana. Há, ainda, a opção de sushi e sashimi, para os apreciadores da cozinha japonesa. Sempre com a tónica na qualidade da matéria-prima usada na cozinha. Quanto aos vinhos, a aposta recai nas referências da região algarvia.


Nuno Diogo, gerente e escanção do premiado restaurante algarvio

“Futuramente, daremos informação sobre restaurantes de referência do Algarve, como o São Gabriel ou o Vila Joya”, continua Nuno Diogo. O objectivo é criar parcerias com outros espaços de restauração e adegas desta região. Para o efeito, é disponibilizado um transfer, de modo a facilitar o transporte de quem aceitar o desafio de fazer esta experiência, seja por um dia, seja por uma semana.

As praias dos concelhos de Portimão e Vilamoura fazem, por sua vez, parte dos roteiros desta embarcação turística, com o propósito de mostrar a beleza da costa algarvia. 

Este iate pode ser alugado por oito horas (das 10 às 17), pelo valor de €6.500 (inclui fruta, carnes frias, champanhe e vinho) ou, apenas, para o sunset, com a duração de três horas (€1.200), para um jantar romântico a dois ou uma pequena festa com os amigos (máximo oito pessoas). A viagem pode prolongar-se por uma semana. As refeições a bordo estão excluídas do preço base. 


O Farol de Alfanzina faz parte do roteiro marítimo desta viagem pelo Barlavento algarvio

Nuno Diogo revela que “haverá novidades já para este ano” e a fasquia irá aumentar em 2020. “Queremos fazer uma Saint Tropez no Algarve”, confessa, com o glamour daquela cidade do Sul de França ou não fosse o Bon Bon um restaurante cuja aposta nos produtos de qualidade é crescente.

O mesmo atributo é dado à cozinha de Louis Anjos, para quem a procura do melhor produto – de Portugal Continental e ilhas, de preferência – é uma prioridade para o menu “Essência” composto por quatro, cinco ou seis momentos. O alinhamento é composto por toro de atum, tomate e manjericão, trio de sabores alusivos aos sabores tipicamente algarvios. Lavagante azul, de Peniche, beterraba, açafrão e tangerina algarvia permanece nesta lista, bem como o irrepreensível salmonete, com molho dos fígados deste peixe, o presunto de bolota e a migada de tomate, e a presa de porco, proveniente de Estremoz, com os milhos aferventados e os pezinhos de coentrada. O lombo de novilho de raça arouquesa acompanha, por sua vez, língua de vaca, nabo, agrião e avelãs, uma estranha combinação que, no seu conjunto, resulta na perfeição.

Amêndoa do Algarve, mel, alfazema e moscatel, da Península de Setúbal, são os ingredientes de uma das sobremesas do menu. Cereja, queijo, pistáchio e chocolate de leite é a alternativa sugerida para o final do repasto.



+ Restaurante BonBon
© Fotografia: João Pedro Rato

Já recebe a Mutante por e-mail? Subscreva aqui.

You Might Also Like

No Comments

Leave a reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.