William é o restaurante que se segue na Rota das Estrelas de 2017

O sumptuoso Belmond Reid’s Palace, no Funchal será, no fim-de-semana que se avizinha, palco do roteiro gastronómico de cunho nacional, onde o chef Luís Pestana terá em mãos a batuta que irá conduzir uma sinfonia de sabores da autoria de outros cinco mestres da cozinha.

O imponente Belmond Reid’s Palace que traduz a concretização do sonho do escocês, William Reid, um apaixonado pelo Funchal e pela ilha que o acolheu no século XIX

Joaquim Koerper, chef do Eleven (1 estrela Michelin), em Lisboa, Michel van der Kroft, chef do t’Nonnetje (2 estrelas Michelin), em Harderwijk, na Holanda, Vítor Matos, chef do Antiqvvm (1 estrela Michelin), no Porto, Kazuo Harada, chef do Mee (1 estrela Michelin), do Copacabana Palace, no Rio de Janeiro, Brasil, e Rui Silvestre, chef do BonBon (1 estrela Michelin), no Carvoeiro, Lagoa, são os convidados do chef Luís Pestana para a pantagruélica festa marcada para as noites de 23 e 24 de Junho, no William, o restaurante fine dining do Belmond Reid’s Palace, no funchal, Ilha da Madeira, no âmbito da 8.ª edição da Rota das Estrelo qual, em Novembro de 2016, conquistou uma estrela Michelin da edição de 2017 do Guia de Espanha & Portugal.

No desfile das criações com assinatura caberá ao chef Joachim Koerper acicatar o palato com a sinfonia de lagostim com caviar. No alinhamento do menu, seguir-se-á o atum com molho de miso e pimenta doce e a ostra fresca com gema de codorniz, ouriço, masago e molho ponzu, do chef paulista Kazuo Harada, assim como o dim sum de porco preto com rábano, alho fermentado e jus de cenoura picante da autoria do chef holandês Michel van der Kroft que, uma vez mais, vem a Portugal para integrar no roteiro de cunho nacional.

Com o mar ainda em destaque, caberá a vez ao lavagante azul com ovas de espada, banana e maracujá do chef Luís Pestana, e ao robalo do mar com molho de Alvarinho, mexilhões e açafroa dos Açores, xerém de amêijoas à Bulhão Pato, carabineiro, codium e salicórnia, prato do chef Vítor Matos.

O prato de carne será, por sua vez, do chef Rui Silvestre, que irá preparar supremo de pato e beterrabas, shiso e ponzu.

Perto do final, serão servidos os queijos William, selecção feita pelo chef anfitrião e, para terminar, Pedro Campas, chef pasteleiro do Belmond Reid’s Palace, apresentará as texturas cítricas.

Do lado de Baco, a selecção vínica estará nas mãos do escanção do Belmond Reid’s Palace, Alberto Luz.

Os jantares da Rota das Estrelas terão início pelas 19.30 horas, com um cocktail de boas-vindas e, graças à localização do William, na noite de 24 de Junho, os presentes no repasto terão a oportunidade de assistir ao espectáculo que combina música e pirotecnia, por ocasião do Festival Atlântico.

Agora é agendar, pensar no que irá levar e ir! Bom apetite! •

+ Rota das Estrelas
+ Belmond Reid’s Palace
Legenda da foto de entrada: Luís Pestana, o chef anfitrião do restaurante William

Já recebe a Mutante por e-mail? Subscreva aqui.

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.